novamente em ação

NOVAMENTE esteve presente na “Caminhada pela Vida”

No passado dia 19 de Maio realizou se a 3ª Edição da “Caminhada pela Vida” com a presença de várias associações e algumas centenas de pessoas.

Mais informação

Reportagem SIC – TCE – A epidemia silenciosa

Tivemos mais uma reportagem sobre a novamente, com a participação do Nuno. Um dos embaixadores da novamente e protagonista da nossa campanha multimédia.

Veja aqui no Primeiro Jornal da SIC 

NOVAMENTE estabelece parceria com a CERCITOP

A novamente estabeleceu uma parceria com a CERCITOP para possibilitar o acesso, com direito a desconto, dos nossos associados à Clínica de Reabilitação da CERCITOP.
Esta clinica está vocacionada para a prestação de cuidados de saúde diferenciados na área da reabilitação e contam com uma equipa multidisciplinar:

1-      Fisioterapeutas;

2-      Terapeutas ocupacionais;

3-      Terapeutas da Fala;

4-      Massagistas de recuperação;

5-      Psicólogo

6-      Médica Fisiatra

Os utentes podem usufruir de tratamento individual, estando com o terapeuta durante 1 hora.
A Clinica dispõe ainda de instalações equipadas com tecnologia de ponta.
A estes serviços, para quem não tem transporte, acresce o transporte adaptado.
Agora pode ter acesso a estes serviços com desconto. Para isso basta ser Associado da Novamente.

Faça-se nosso Associado e veja aqui o Preçário de 2012 

Conheça mais da CERCITOP

III Congresso Anual de Saúde da Universidade de Aveiro

A novamente participou no  III Congresso Anual de Saúde da Universidade de Aveiro.

Com o tema  “O trauma para além do traumatismo – impato biopsicossocial”
Tentámos expor como o impacto de um TCE é vivido pelo próprio, em termos emocionais e psicológicos, mas também no papel ativo da família e cuidadores na recuperação. A forma como a família pode e deve ser incorporada na reintegração e tratamento, potenciando o mesmo

Projeto “COMEÇAR POR ACREDITAR”, Guias de encontro entre TCE’s

Com o apoio do Alto Comissariado para a Saúde e Direção Geral para a Saúde, foram criados guias para constituição e dinamização de Grupos de Pares (e formação) para Pessoas com Traumatismo Crânio-Encefálico (TCE). Os objetivos destes grupos são: Promover a cidadania ativa, a inclusão e o desenvolvimento social das pessoas com traumatismo crânio-encefálico;  Promover a qualidade de vida das pessoas com TCE; Reduzir o sentido de isolamento através do suporte social e da valorização da experiência pessoal; Prestar suporte emocional às pessoas com TCE; Promover a autoestima, através da construção de um sentido de utilidade social e consequente diminuição do estigma associado à incapacidade / deficiência; Promover o conhecimento sobre a lesão cerebral e estratégias para lidar com as suas consequências; Promover conhecimento e capacidade de mobilização dos recursos da comunidade.

A investigação, elaboração deste guias e curriculuns foi criada por uma equipa de especialistas do Centro de Reabilitação Profissional de Gaia

 

Néstle faz donativo à NOVAMENTE

Na sequência dos Concursos “FITNESS – Desafio de Sabores” e “Registe-se no Site da Nestlé e Ganhe Máquinas NESCAFÉ Dolce Gusto” promovidos pela Nestlé Portugal S.A. e por falta de reclamação de prémios por parte de alguns premiados, a Nestlé, por decisão da Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna, entregou em valor monetário (390€), esses prémios à NOVAMENTE, a qual agradece a estas duas instituições esta ajuda ao seu trabalho.

Lâmpadas economizadoras para famílias de sobreviventes de TCE

A novamente tem ao seu dispor lâmpadas economizadoras para distribuir pelas famílias de sobreviventes de TCE.
Contacte-nos através de:
jgalveia@novamente.pt ou para o 21 485 82 40

O objetivo é sensibilizar a população para a eficiência energética e ajudar na poupança na fatura de eletricidade, contando com a colaboração de instituições de apoio social por todo o país para fazer chegar, às famílias, a oferta de lâmpadas economizadoras.

Obrigado EDP

Reunião BIF – Estocolmo

A novamente, membro da Federação Europeia de associações de apoio à vitima de dano cerebral adquirido e suas famílias (BIF), numa reunião em sessão de trabalho, conheceu a associação da Suécia Hjarnkraft. Um dos projetos mais inovadores e dispendiosos é uma campanha nos liceus contra a violência. Não temos noção através dos media mas a violência entre alunos com armas de fogo e brancas, tem disparado o número de vitimas mortais e a causa de deficiência neste país. Assim, com um filme forte e dois dias de total diálogo com os alunos, a associação tem conseguido resultados animadores para a alteração de mentalidades e comportamentos, embora tenha descoberto que a mentalidade racial e antissemita entre os mais novos está enraizada e seja a grande fonte de violência.
Na foto alguns dos 18 países que constituem a BIF.

Veja a Campanha “Começar por Acreditar”

A novamente lançou uma campanha até dia 06 de Maio de 2012.  Para que se entenda que o Traumatismo Crânio Encefálico existe, pode acontecer a qualquer um e quem sobrevive leva muitos anos a recuperar de sequelas e a recriar uma vida de novo.  São heróis, passam por tanto que nem num livro conseguiriamos colocar a sua realidade e da familia que vive tudo isto com cada sobrevivente.

Veja aqui o anúncio! 

 

Visita de estudo – Eslovénia 2012

A novamente e outras associações, centros de reabilitação, centros de reintegração e recuperação vocacional e socio pedagogos relacionados com a área de danos de Traumatismos Crânio Encefálicos e outros danos cerebrais adquiridos em idade ativa foram fazer visita de estudo à Eslovénia.

O objetivo foi conhecer a realidade desse pais em relação a esta matéria e a dos países participantes.

Estiveram presentes: Reino Unido, Turquia, Itália, Holanda, Malta, França, Suiça, Eslováquia e Portugal.

Entre outras, a grande novidade foram os centros de apoio estatal para reabilitação a longo prazo, onde a pessoa em regime diário total ou parcial, escreve um programa de recuperação e reinserção versus a sua possível autonomia e reintegração na sociedade e com o apoio do centro ficará a implementar esse plano sem limite de tempo, podendo fazer experiencias fora do centro não perdendo a garante de poder voltar se necessário. Outros assuntos, como o caminho em cada pais da pessoa vitima de TCE, as várias formas de perder direito à carta de condução e formas de a recuperar, reinserção na sociedade foram assunto de debate, num grupo internacional e entre disciplinar que promete se manter em dialogo e potenciar a evolução de boas experiências mútuas.

© 2011 Associação Novamente. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvido por Brandia Central. | RSS –